Entrevista com a artista Vivian Carvalhais

Já mostramos muitos trabalhos com pintura a óleo realistas aqui no blog: Lee Price, Alyssa Monks, entre outros. Mas nenhum de artistas brasileiros, como é o caso da mineira Vivian Carvalhais. De uma família apaixonada por artes visuais, Vivian cresceu cercada de possibilidades e iniciou seu trabalho na pintura com a técnica de tinta à óleo. Pouco a pouco desenvolveu outras técnicas como aquarela, nanquim, pastel etc. Recentemente tivemos o prazer de entrevistar a artista que contou um pouco sobre sua vida, arte e carreira.

Qual foi o momento decisivo que fez você optar pela pintura?
Ainda no fim do Ensino Médio eu já fazia minhas pinturas e as vendia, mas nada muito profissional. Foi aos 18 anos que decidi transformar o passatempo na minha profissão. Foi muito importante porque me dediquei a vários métodos de desenho para retratar com maior fidelidade possível pessoas e objetos. Além de conhecer técnicas adequadas para o resultado que eu buscava.
Quais artistas inspiram o seu trabalho?
Eu me inspiro em muitos artistas, todos foram importantes de alguma forma, seja pela palheta de cores, seja pela forma que configurava os elementos. Eu gosto muito das cores do Van Gogh, da delicadeza do Gustav Klimt, a habilidade de encontrar a essência das cenas como o Degas e o Picasso faziam.
A sua técnica realista foi desenvolvida por você? Como foi esse processo?

A técnica do realismo foi desenvolvida através do melhor método que conheço para aprender algo, o famoso “método da tentativa e erro”. A pintura de figuras humanas sempre me incomodou por sempre ficarem sem profundidade e brilho. Por isso resolvi trabalhar com camadas de películas, eu sabia que Leonardo da Vinci e outros artistas usavam algo semelhante, mas faziam isso com o auxílio de verniz. Eu queria usar tinta,  então para obter este resultado começo por cores frias, em seguida cores mais quentes e só então começo a dar profundidade, sempre com um pigmento translúcido. É demorado, mas vale a pena pra chegar em um trabalho realista.

De todas as coisas, por que expressões humanas? Qual o conceito?

Eu gosto muito de retratar pessoas, principalmente porque possuímos imperfeições, por isso são closes das faces com expressões fortes. O segundo ponto é a naturalidade dessas pessoas, o sorriso, por exemplo, não deixa de ser bonito porque possui imperfeições no dente — é por conta da busca por esse excesso de perfeição que tantas pessoas entram em cirurgias plásticas desnecessariamente.

Na sua opinião, quando devemos optar por uma fotografia ou por uma ilustração?

A fotografia tem a capacidade de registrar o frescor do momento, da emoção, pode ser até mais bonita que uma pintura quando feita por um profissional que clica com objetivo, é muito bonito ver fotos que apesar da rapidez da ação possuem uma bela luz e uma composição estruturada. Já a ilustração pode colocar aquilo que não está visivel, pode usar cores pra mostrar sentimentos além de distorcer formas para comunicar melhor.

Quais os projetos para 2012?
Ilustrar, ilustrar e ilustrar muito, além de acertar e errar mais outro punhado de coisas. Pretendo me firmar como ilustradora  no universo infantil.
Dê um conselho para quem está começando na área de Desenho e Ilustração.

Pratique desenho, isso  não se aprende em livros, os melhores ilustradores possuem sketch books lotados de tentativas, quando há dedicação o resultado vem gradativamente. É importante iniciar em algum lugar, o que pode parecer clichê, mas ninguém acorda um dia e está desenhando impecavelmente, é a determinação que faz um artista ser bom.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s